releases

Hospital Erasto Gaertner inaugura primeira unidade de cuidados paliativos do sul do Brasil com atendimento SUS

Hospice Erasto Gaertner tem o objetivo de promover a qualidade de vida do paciente e de seus familiares através da prevenção e alívio do sofrimento

por Assessoria de Imprensa

24/01/2020
Sobre: Hospice é um novo conceito para cuidados para pacientes com doença grave
Créditos: AEN

O Hospital Erasto Gaertner (HEG), de Curitiba (PR), inaugurou no dia 24 de janeiro a primeira unidade de cuidados paliativos do sul do Brasil com atendimento SUS, o Hospice Erasto Gaertner. O hospital é referência no Brasil no tratamento de pacientes com câncer.


O termo “hospice”, do latim “Asylum”, e sem tradução para a Língua Portuguesa, pode ser utilizado para descrever um conceito de trabalho que busca proporcionar cuidados de saúde ativos e integrais à pessoa com doença grave, progressiva e que ameaça a continuidade de sua vida (sem possibilidade terapêutica curativa).


O principal objetivo do Hospice Erasto Gaertner é promover a qualidade de vida do paciente e de seus familiares através da prevenção e alívio do sofrimento, da identificação precoce de situações possíveis de serem tratadas, da avaliação cuidadosa e minuciosa e do tratamento da dor e de outros sintomas físicos, sociais, psicológicos e espirituais.


De acordo com o superintendente do HEG, Adriano Lago, o Hospice Erasto Gaertner é uma grande inovação no tratamento desses pacientes. “Com essa inovação, nós esperamos melhorar nossos atendimentos de pacientes fora das possibilidades terapêuticas, trazendo mais conforto, mais humanização, não só para o paciente, mas também para toda a família e acompanhantes do paciente”, afirmou.


Com investimento superando a casa de R$ 4 milhões, a partir de um termo de cooperação entre a montadora Volkswagen do Brasil e a Liga Paranaense de Combate ao Câncer (LPCC), por meio do Governo do Estado do Paraná, o espaço irá possibilitar duplicar a quantidade média anual dos atendimentos e principais procedimentos médicos do serviço de cuidados paliativos, existente no HEG desde 1994.


A estrutura do local conta com pronto atendimento, ambulatório e 26 leitos humanizados, com proposta de decoração mais semelhante a de uma casa do que de um hospital e acomodações para acompanhante, além de espaços de convivência, o que proporcionará maior conforto e apoio emocional a todos, mas principalmente qualidade de vida.


A unidade acomodará prioritariamente pacientes já em tratamento via SUS no Hospital Erasto Gaertner, mas também oferecerá atendimentos privados através de parcerias com operadoras de plano de saúde.


leia também