notícias

Butantan: atual vacina da gripe protege contra a cepa Darwin da H3N2

Instituto divulgou resultado de testes com vacina contra Influenza; Cepa é a responsável por surto de gripe que atinge vários estados brasileiros

por Saúde Debate, com informações da Agência Brasil

07/01/2022
Sobre: Butantan realizou testes e garante que atual vacina da gripe protege contra a cepa Darwin da H3N2
Créditos: Foto: Daniel Castellano / SMCS

O Instituto Butantan, fabricante da vacina contra a gripe utilizada no Programa Nacional de Imunização (PNI) no país, informou que testes de laboratório mostraram que a atual vacina da gripe protege contra a cepa Darwin da H3N2, mesmo sem ter exatamente essa cepa na sua composição. Ela é a responsável pelo aumento expressivo de casos de gripe, fora de época, em várias regiões brasileiras.


Segundo o diretor de produção do Instituto Butantan, Ricardo Oliveira, a vacina atual, trivalente, feita contra os vírus da Influenza H1N1, H3N2 e B, protege contra a H3N2 Darwin de forma cruzada, ou seja, neutraliza essa variante em razão de ter em sua composição a proteção contra a cepa H3N2 original, “parecida” com a Darwin. “Você tem um grau muito próximo de parentesco com a sua mãe, mas você é diferente dela. As cepas da influenza são parentes, têm mudanças na estrutura viral, nos aminoácidos, mas têm partes do vírus que são as mesmas e ela confere essa proteção mesmo com a atualização do vírus”, disse em 6 de janeiro.


Leia também - Tire as dúvidas sobre a gripe


Leia também - Por que está acontecendo um surto de gripe fora da época?


Apesar de o instituto informar que atual a vacina da gripe protege contra a cepa Darwin da H3N2, Oliveira ressalvou que o imunizante produz uma proteção menor do que uma vacina produzida especificamente contra a cepa H3N2 Darwin. “A vacina que temos hoje traz uma proteção cruzada contra a Darwin, menor do que a vacina específica, mas confere. Vimos isso nos reagentes que usamos no controle de qualidade, nas reações in vitro”.


A nova versão da vacina da Influenza, que será distribuída em 2022 pelo PNI do Ministério da Saúde, é trivalente, composta pelos vírus H1N1, H3N2 (Darwin) e a cepa B, e já está sendo produzida pelo Butantan em suas fábricas. O envase está previsto para a primeira semana de fevereiro. 


O Instituto Butantan produz atualmente 80 milhões de doses da vacina contra Influenza anualmente oferecidas na campanha nacional de vacinação contra a gripe. O imunizante é modificado a cada ano baseado nos três subtipos do vírus Influenza que mais circularam no ano anterior no hemisfério Norte, monitorados e indicados pela Organização Mundial da Saúde (OMS).


Leia também - O que é "flurona"?


Leia também - Teste pode identificar Covid-19 ou Influenza H3N2

leia também